STF julga habeas corpus de Lula

Semana decisiva para o Brasil. O STF irá julgar o mérito do habeas corpus do ex-presidente Lula. Se o resultado for favorável ao petista a Corte Suprema enterrará definitivamente a Lava jato.

Grupos contrários a Lula, como o MBL por exemplo, programaram manifestações pela prisão do ex-presidente. Já os militantes de movimentos sociais querem a liberdade do petista.

Na segunda-feira magistrados e integrantes do Ministério Público entregaram à presidente do Supremo um abaixo-assinado com mais de cinco mil assinaturas em favor da prisão após julgamento em segunda instância. Por outro lado, cerca de três mil advogados protocolaram documento no Supremo defendendo o lema: “Todos são inocentes até que se prove o contrário”.

Se a decisão beneficiar o petista, haverá efeito cascata para outros réus da Lava Jato, como Antônio Palocci, Eduardo Cunha, Sérgio Cabral e Gedel Vieira Lima, só para citar os mais famosos.

O STF está dividido e o resultado deverá ocorrer por uma margem muito pequena. Se os ministros negarem o habeas corpus, Lula poderá ser preso e começará a cumprir pena de 12 anos. Mas o mais provável é que um ministro amigo do petista peça vistas ao processo. E tudo ficará em suspenso até o próximo agonizante capítulo da novela de Lula nos tribunais.
crédito: foto da web